Search here...
TOP
Natureza Portugal

Mafra, Destino da Biosfera

Mafra Destino da Biosfera - Biosphere Destination
251 Views

É daqueles artigos que me dá gosto escrever. Não só porque falo de um destino considerado sustentável, mas, porque esta é a área que escolhi para chamar “casa”.

Mafra, concelho português localizado a cerca de 50 km de Lisboa, é um “Destino da Biosfera”, um título atribuído pelo Instituto de Turismo Sustentável.

Para serem considerados como tal, os destinos têm de integrar nas suas políticas de desenvolvimento turístico do território os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estabelecidos pela ONU — Organização das Nações Unidas.

Mas o que significa ser um “Destino da Biosfera” para Mafra?

Ao longo dos anos, Mafra tem destacado-se como um destino turístico português e a ideia é fazê-lo de modo a atrair o chamado “turismo sustentável”, criando condições para tal e privilegiando a preservação do ambiente.

Segundo a autarquia local, existem alguns passos a serem dados desde já, como o alargamento da rede de percursos cicláveis e pedestres urbanos; a criação de uma rede municipal de proteção ambiental; o desenvolvimento de um Observatório do Turismo; e a criação de um Manifesto para um Turismo Sustentável.

um destino especial

Se pensa que não conhece Mafra ou que nunca ouviu falar de tal destino… pense duas vezes. É que este concelho em Portugal não só possui um monumento Património da Humanidade, como abrange uma Reserva Mundial de Surf!

Booking.com

Ora, fique com uma ideia de alguns dos lugares incontornáveis que pode visitar por aqui:

Palácio Nacional de Mafra - National Palace of Mafra
Palácio Nacional de Mafra

É o ex-libris da região e não é para menos. Falo do Palácio Nacional de Mafra, um monumento considerado pela UNESCO como Património Mundial em 2019.

Construído no século XVIII, o palácio e convento de Mafra guarda salas e galerias extraordinárias, bem como uma das bibliotecas mais belas do mundo.

Conheça o Palácio Nacional de Mafra por dentro e por fora neste artigo:

Tapada Nacional de Mafra
Tapada Nacional de Mafra

Afeta ao palácio está a incrível Tapada Nacional de Mafra, uma mata-real criada em 1747 pelo rei D.João V. Para além de servir como envolvente natural para o palácio, este espaço era ainda utilizado para recreio da corte, acontecendo por ali as famosas caçadas reais. Hoje pode ser apreciado num passeio a pé ou de bicicleta, sendo possível avistar veados e até javalis.

Centro de Recuperação do Lobo Ibérico -  Iberian Wolf Recovery Center
Centro de Recuperação do Lobo Ibérico

Paredes-meias com a Tapada Nacional de Mafra estão os terrenos do Centro de Recuperação do Lobo Ibérico. Como o nome indica, este espaço natural acolhe uma série de lobos ibéricos, muitos deles recuperados de cativeiro ilegal, vítima de armadilhas, ou provenientes de parques, ou zoos que fecharam portas.

Impossibilitados de voltar ao seu estado selvagem, estes lobos encontram aqui o seu refúgio natural. Este espaço pode ser percorrido a pé, podendo eventualmente vislumbrar alguns dos seus habitantes, sendo que os mesmo se encontram em cativeiro para a sua proteção.

Este é também o local ideal para aprender mais sobre a história desta espécie característica da Península Ibérica.

Foz do Lizandro, Ericeira, Mafra
Photo by Alex Paganelli on Unsplash
Ericeira, Reserva Mundial de Surf

E, claro, não podia faltar a minha Ericeira, já que esta é a minha casa!

Não só a Ericeira é uma vila piscatória bastante pitoresca, como a sua linha de costa é Reserva Mundial de Surf desde 2011. Na altura, a primeira da Europa e a segunda do mundo!

A reserva abrange o território que vai da Praia da Empa à Praia de São Lourenço, englobando sete ondas de classe mundial.

Para conhecer um pouco melhor a Ericeira, ouça este episódio do meu ‘podcast’, Notas de Viagem:

Gostou do post? Faça PIN e guarde para mais tarde
Mafra foi considerado como um Destino da Biosfera. Conheça melhor este concelho português e alguns dos principais lugares que pode visitar por lá.
Marlene On The Move

Marlene Marques

Marlene é a criadora do Marlene On The Move. Jornalista de profissão, criou o blog para partilhar as suas aventuras pelo Mundo. Não é raro partir à descoberta de novos países e culturas com a prancha de surf como bagagem.

«

»

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

error: Content is protected !!