Search here...
TOP
Destinos Japão

21 dicas para viajar para o Japão (e outras informações essenciais)

Tips for travel to Japan
1233 Views

Precisa de dicas para viajar para o Japão? O Japão é um destino único e fascinante que atrai viajantes de todo o mundo. Com a sua cultura rica e beleza natural, o país oferece uma experiência de viagem única.

No entanto, viajar para o Japão pode ser complicado, especialmente se for a sua primeira vez.

Neste post reuni as melhores dicas e informações para o ajudar a tirar o máximo partido da sua aventura asiática.

Conheça o Guia de Viagem do Japão feito para que possa usar no seu telemóvel

DICAS PARA VIAJAR PARA O JAPÃO

1. Planeie ao detalhe

Uma das coisas mais importantes a fazer antes de viajar para o Japão é planear essa viagem com antecedência.

O Japão é um país vibrante, com muito para descobrir. Por isso, é essencial pesquisar e planear todos os detalhes desta viagem para aproveitar o tempo ao máximo.

Deve ter em conta os locais que quer visitar, a distância entre eles, a altura do ano em que vai e o transporte a utilizar.

Continue a ler este post porque mais adiante dou dicas sobre estes assuntos.

2. Aprenda frases básicas em japonês

O dialecto pode ser um dos maiores entraves quando estiver a visitar o Japão, por isso, aprender algumas frases básicas em japonês pode ser útil. Até porque os japoneses apreciam quando os visitantes tentam falar a sua língua, e isso pode tornar a experiência ainda mais agradável.

Algumas frases úteis para aprender incluem “Arigato” (obrigado), “Sumimasen” (com licença) e “Gomen nasai” (desculpe).

Manter o telemóvel por perto com uma aplicação de tradução é uma ótima ideia. Tem muitas opções para escolher, como o Google Translate, o Deepl ou o Say Hi.

3. Utilize os transportes públicos

O Japão tem um sistema de transportes públicos extenso e eficiente que inclui comboios, autocarros e metro. Os transportes públicos são a forma mais conveniente e económica de viajar pelo Japão, especialmente se for visitar várias cidades.

Pode adquirir um Japan Rail Pass antes da sua viagem, o qual lhe permite usar os comboios, autocarros e metropolitanos da JR.

Para além do Japan Rail Pass, também pode utilizar um cartão IC pré-pago. Estes cartões, como o Suica ou o Pasmo, podem ser comprados nas estações de comboios e nas lojas de conveniência e carregados conforme necessário.

4. Leve dinheiro

Conhecido como uma sociedade fortemente baseada em dinheiro, muitos lugares no Japão não aceitam cartões de crédito. 

É essencial ter sempre dinheiro consigo, especialmente quando visitar pequenas lojas e restaurantes.

Existem caixas multibanco, mas podem não aceitar cartões estrangeiros, pelo que o melhor é levantar dinheiro no aeroporto à chegada ou num banco.

5. Siga os costumes locais

O Japão é conhecido pelos seus costumes únicos, pelo que os viajantes devem conhecê-los. Por exemplo, é costume fazer uma vénia quando se cumprimenta alguém e considerado indelicado falar ao telefone ou comer enquanto se anda na rua.

É essencial conhecer e respeitar os costumes para não ofender ninguém.

6. Experimente a comida local

A cozinha japonesa destaca-se pelos seus sabores e apresentação únicos, pelo que experimentar a comida local é uma parte essencial da experiência de viagem neste país.

Alguns pratos japoneses populares incluem o sushi, o ramen, a tempura e o yakitori. Pode encontrá-los em restaurantes, bancas de comida na rua e lojas de conveniência em todo o Japão.

Além disso, pode optar por uma experiência culinária imersiva numa das grandes cidades e tornar a sua viagem ao Japão ainda mais especial.

7. Visite os sítios culturais

O Japão tem um rico património cultural que vale a pena explorar. Desde templos e santuários antigos a museus modernos e galerias de arte, o país oferece uma série de sítios culturais extraordinários para visitar.

Alguns locais mais populares incluem o Santuário Fushimi Inari em Quioto, o Museu Memorial da Paz de Hiroshima e o Museu Nacional de Tóquio.

Descubra os melhores locais para visitar no Japão

8. Participe em festivais locais

Participar num festival japonês é uma excelente forma de conhecer a cultura e as tradições locais. Alguns eventos mais populares incluem o Festival de Primavera da Cerejeira em Flor, o Festival de Gion de Quioto e o Festival de Inverno de Sapporo. Pode encontrar informações sobre os festivais nos sites de turismo e nos centros de informação turística.

9. Vista-se adequadamente

No Japão, como em qualquer outro país, é importante ter cuidado com o que veste, especialmente quando visita locais religiosos e eventos culturais.

Deve evitar usar roupas demasiado reveladoras e tirar os sapatos quando entrar em templos e edifícios tradicionais japoneses. É também essencial usar sapatos confortáveis, uma vez que poderá ter de andar muito durante as suas viagens.

Claro que isto não se aplica se estivermos a falar de algumas ruas de Tóquio, onde as indumentárias vão muitas vezes buscar a inspiração ao Anime, principalmente junto dos mais novos.

10. Respeite a natureza

O país é conhecido pela sua beleza natural, incluindo montanhas, florestas e praias. Por isso, é sempre importante respeitar a natureza quando visita algum destes sítios. Isto significa não deitar lixo para o chão, permanecer nos caminhos designados e evitar danificar o ambiente.

Além disso, alguns lugares naturais podem estar interditos durante certas épocas do ano para proteger a vida selvagem e os ecossistemas. Assim, informe-se antes de fazer a viagem.

11. Compre um cartão SIM ou eSIM

Para se manter ligado durante a viagem, considere adquirir um cartão SIM ou um eSIM. Estes cartões podem ser comprados no aeroporto ou online.

Pessoalmente, sou fã do eSIM porque, como o compro online com antecedência, é menos uma coisa com que tenho de me preocupar quando chego a um país.

O acesso à Internet é muito importante no Japão, pois permite-lhe-á utilizar os mapas e as aplicações de tradução e, claro, manter-se em contacto com a família.

12. Respeite o espaço pessoal

O espaço pessoal é muito valorizado no Japão. Por conseguinte, é importante respeitá-lo e não se aproximar demasiado das pessoas ou tocar-lhes sem autorização.

Claro que isto pode ser um desafio quando se utilizam transportes públicos, que estão quase sempre sobrelotados, mas tente fazer o seu melhor.

13. Vá preparado

É comum que as casas de banho públicas no Japão não tenham toalhetes ou secadores de mãos. Assim, para evitar qualquer inconveniente, leve consigo um pacote de lenços de papel. Até porque podem ser úteis quando quiser limpar o suor durante os meses quentes e húmidos de verão.

Também é normal que existam poucos ou até nenhuns caixotes do lixo na via pública. Por isso, e tendo em conta que o Japão tem regras rigorosas sobre o atirar lixo para o chão, leve consigo um pequeno saco para recolher o lixo que for fazendo ao longo do dia.

14. Tenha em atenção os níveis de ruído

No Japão é geralmente desaconselhado falar alto, gritar e fazer barulho em público. Assim, tenha atenção aos níveis de ruído, especialmente em zonas residenciais.

Apesar disso, os transportes públicos durante a hora de ponta podem ser incrivelmente barulhentos e cansativos. Considere investir nuns auriculares com cancelamento de ruído para o ajudar a relaxar e a bloquear a agitação.

15. Aproveite a experiência do onsen

Osen japonês
Foto de Roméo A. na Unsplash

Por falar em relaxar, os onsens são fontes termais tradicionais japonesas que são uma forma popular de descontrair. Se tiver oportunidade, tente visitar um onsen durante a sua viagem.

Se o fizer, é importante conhecer as regras estabelecidas para usar um onsen, como lavar-se bem antes de entrar na fonte termal e não usar roupas ou calções de banho.

16. Descalce os sapatos ao entrar nos edifícios

É prática comum no Japão tirar os sapatos quando se entra em casa de alguém, num templo ou santuário, ou em certos restaurantes. Procure sinais que o indiquem ou pergunte se estiver na dúvida.

17. Tenha em atenção a lei do tabaco

É proibido fumar em muitas áreas públicas no Japão, incluindo nas ruas e em alguns restaurantes e bares. Tenha em atenção as áreas designadas para fumadores e evite fumar em zonas proibidas.

18. Veja a meteorologia

O Japão tem quatro estações distintas, com padrões climáticos que variam muito consoante a época do ano e o local (ver secção seguinte). Por isso, esteja atento às previsões meteorológicas durante a sua visita e faça as malas em conformidade.

Se viajar durante os meses de verão, lembre-se que é necessário manter-se hidratado e usar protetor solar.

19. Planeie as épocas de maior afluência

Época das flores de cerejeira em Tóquio, Japão
Foto de Yu Kato na Unsplash

Certas alturas do ano, como a época do aparecimento das flores de cerejeira na Primavera ou o período de férias do Ano Novo, podem ser agitadas no Japão. Por isso, se viajar durante estas épocas altas, não se esqueça de planear. Reserve o alojamento e os transportes atempadamente.

20. Aprenda sobre a história e a cultura japonesas

O Japão tem uma história muito rica e aprender sobre ela pode melhorar a sua experiência. Considere visitar museus e locais históricos e participar em eventos culturais para se especializar mais sobre o passado e o presente do Japão.

21. Não tenha medo de pedir ajuda

Sinta-se à vontade para pedir ajuda se estiver perdido ou confuso. Muitos japoneses têm todo o gosto em ajudar os turistas.

Normalmente, existem centros de informação e pessoas que falam inglês nas estações de comboio e nas principais atrações turísticas.

Dicas para viajar para o Japão: Não se esqueça do seu seguro de viagem!

Heymondo Seguro de Viagem Desconto Marlene On The Move

OUTRAS INFORMAÇÕES QUE PRECISA DE SABER ANTES DE VIAJAR PARA O JAPÃO

Qual é a lei do visto no Japão e como o obter?

Visa para visitar o Japão
Foto de ConvertKit na Unsplash

A necessidade de visto para o Japão varia consoante a nacionalidade, a duração da viagem e o objetivo da visita. Visitantes de vários países são geralmente autorizados a entrar no Japão para uma estadia de curta duração (até 90 dias) sem visto ao abrigo do programa de isenção de visto.

No entanto, se planear permanecer mais de 90 dias ou realizar determinadas atividades, como trabalhar ou estudar, deve obter um visto com antecedência.

Pode verificar os requisitos de visto contactando a embaixada ou consulado japonês no seu país, ou fazendo-o online.

Qual é a melhor altura para visitar o Japão?

Verão no Japão
Foto de Kaori Chin na Unsplash

A melhor altura para visitar o Japão depende do que quer ver e fazer durante a sua viagem. O país tem quatro estações distintas, cada uma com as suas próprias atrações e condições climatéricas:

  • Primavera (março a maio) — É uma altura popular para visitar o Japão, especialmente se quiser apanhar a época das cerejeiras em flor. As belas flores cor-de-rosa e brancas geralmente desabrocham no final de março ou início de abril, sendo o momento perfeito para visitar parques e templos para ver as. No entanto, esta é também a época alta do turismo, pelo que os preços podem ser mais elevados do que o habitual.
  • Verão (junho a agosto) — Espere calor e humidade, mas é uma ótima altura para visitar praias, desfrutar de eventos locais e escalar montanhas. Os festivais de verão, como o Gion Matsuri em Quioto e o Nebuta Matsuri em Aomori são um dos pontos altos da estação.
  • Outono (setembro a novembro) — A mudança de cor das folhas (koyo) é uma grande atração para quem visita o país. O clima é geralmente ameno, tornando-o no momento ideal para fazer atividades ao ar livre, como caminhadas e passeios de bicicleta.
  • Inverno (dezembro a fevereiro) — Visite o país nesta altura se gostar de desportos de inverno ou se quiser experimentar as fontes termais do Japão (onsen). As estâncias de esqui de Hokkaido e Nagano são destinos populares e o Festival de Neve de Sapporo é imperdível.

Qual é o custo de viajar para o Japão?

O custo de viagem para o Japão pode variar muito, dependendo de fatores como a estação do ano, a duração da viagem, o seu estilo e preferências de viagem e as atividades que quer fazer.

Eis alguns custos estimados para uma viagem típica de uma semana ao Japão, com base em alojamentos e atividades de gama média:

Voos: Um voo de ida e volta dos EUA ou da Europa para Tóquio pode custar entre 600 € e 1.500 €, dependendo da estação do ano e da companhia aérea.

Alojamento: Hotéis de gama média e ryokans (pousadas tradicionais japonesas) podem custar entre 60 € e 150 € por noite, dependendo da localização e da época. Também estão disponíveis hostels por preços mais baixos.

— Transporte: O Japan Rail Pass, que permite viagens ilimitadas na maioria dos comboios e autocarros JR, custa cerca de 270 € por um passe de 7 dias. Os transportes locais, como o metro e os autocarros, podem custar cerca de 1,50 € a 3 € por viagem.

Comida: A cozinha japonesa pode variar desde comida de rua (mais económica) a restaurantes de sushi de luxo. Em média, pode gastar cerca de 10 € a 20 € por refeição, dependendo do tipo de comida e do restaurante.

Atividades: As atividades turísticas e culturais, como visitas a templos, entradas em museus e visitas guiadas, podem custar entre apenas alguns euros e 30 € ou mais por atividade.

Geralmente, uma viagem de uma semana ao Japão pode ficar entre 1.500 € e 3.000 € ou mais. Por isso, é necessário planear e orçamentar com a máxima antecedência de modo a garantir os melhores preços.

Dicas para poupar dinheiro para o Japão

Em conclusão, viajar para o Japão é experiência fantástica repleta de cultura, história e beleza natural. Só é preciso planear detalhadamente para que tudo corra bem.

Com esta informação e seguindo estas dicas, pode garantir que a sua viagem será memorável.

Se achou este artigo útil, deixe o seu comentário abaixo e lembre-se de o partilhar nas suas redes sociais. Boa viagem!

Dicas para viajar para o Japão

VAI VIAJAR?

Prepare as suas viagens com os parceiros do Marlene On The Move!

  • ✅ Faça o seguro de viagem Heymondo e tenha 5% de desconto.
  • 🏨 Use o Booking.com ou o Hostelworld para escolher a sua estadia favorita ao melhor valor.
  • 🚙 Alugue o carro na Rentalcars ou no Discover Cars e obtenha o melhor negócio.
  • ✈️ Encontre os voos mais baratos no Skyscanner, não importa o destino.
  • 🚉 Compre os seus bilhetes de transporte com a Omnio e evite as filas.
  • 📲 Compre o eSIM com a Airalo e esteja sempre conectado no seu destino.
  • 🎟️ Explore qualquer destino com os melhores tours da GetYourGuide.

Ao utilizar estes links ou outros colocados neste artigo para fazer as suas reservas, não vai pagar mais por isso e para mim faz toda a diferença! É com estas parcerias que consigo manter o blog, por isso, a sua ajuda é preciosa! Obrigada desde já!

Marlene On The Move

Marlene Marques

Marlene é a criadora do Marlene On The Move. Jornalista de profissão, criou o blog para partilhar as suas aventuras pelo Mundo. Não é raro partir à descoberta de novos países e culturas com a prancha de surf como bagagem.

«

»

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!